Devido às várias mudanças que vem ocorrendo e que afetam os comerciantes, a Associação

Comercial disponibilizou recentemente, o convenio para emissão de Nota Fiscal ao Consumidor Eletrônica, a NFC-e. Este serviço e o Certificado Digital, que já era oferecido pela entidade, geraram muitas dúvidas ao empresariado de Guaratuba. Sendo assim, a ACIG promoveu junto a FACIAP, um encontro para falar sobre esses e outros assuntos de interesse dos comerciantes do município.

O encontro aconteceu na quinta-feira, dia 1º de outubro, e reuniu muitos comerciantes e alunos do curso técnico de Turismo e Hospedagem da escola Gratulino de Freitas.

 

A Associação Comercial e Empresarial conquista mais um diferencial para os empresários e contadores de Guaratuba e região.

Depois de um ano de negociações e muita burocracia, a ACIG, em parceria com a Prefeitura Municipal de Guaratuba, tiveram a aprovação do Governador Beto Richa para abertura de uma agência da Junta Comercial do Paraná (JUCEPAR) em nossa cidade.

Temos percebido que há muitas dúvidas por parte dos comerciantes sobre o certificado digital. Afinal de contas, o que é e para o que serve?

Em meio à globalização, cada vez mais fazemos uso de meios eletrônicos em nossas transações, sejam elas pessoais ou profissionais. Mas como garantir a segurança e integridade das informações que recebemos e transmitimos pela internet?

Em transições realizadas presencialmente, forma que utilizamos pra provar que somos quem nos dizemos ser, apresentamos documentos para isso, e é assim que o certificado digital funciona, ele é um documento que atesta a nossa identidade ou da nossa empresa, quando realizamos transações no meio digital.

A ACIG disponibiliza esse serviço para a população como um todo e, para fazer o seu certificado, basta entrar em contato conosco e agendar o seu horário. Se você é comerciante e ainda não possui o seu, não deixe para a ultima hora, ele é um requisito para que possa emitir a Nota Fiscal do Consumidor eletrônica (NFC-e), já obrigatória para algumas empresas, mas que o será para todas até janeiro de 2016.

Certificado Digital